COM RESPOSTAS - Discursivas de Comunicação Social para Concursos

R$ 59,90
R$ 49,90
ou 3 x R$ 16,63
. Comprar  
76 Questões de provas discursivas de COMUNICAÇÃO SOCIAL acompanhadas do espelho de resposta oficial da banca examinadora.
 
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO DE NOVAS QUESTÕES: OUTUBRO DE 2019
 
E-Book em PDF – É permitida a impressão.
 
GRÁTIS - Atualizações de questões novas por 01 ano da data da compra.
 
O envio é feito por e-mail - 02 dias úteis (cartão de crédito ou débito) ou 03 dias úteis (boleto bancário).
 
Meios de Pagamento: PAGSEGURO ou PAYPAL – cartão de crédito, cartão de débito ou boleto bancário.

Dúvidas – questoesdiscursivas@gmail.com
 
Exemplos de questões discursivas:

Analista Legislativo - Câmara Municipal de Caruaru - Ano: 2015 - Banca: FGV - Comunicação Social - Comunicação Social - O Código de Ética dos Jornalistas Brasileiros faz menção à atividade de assessor em dois momentos: a primeira no Art. 7º, em que trata das restrições ao trabalho do jornalista; e a segunda no Art. 12, no qual há uma ressalva sobre os deveres do jornalista, em função das especificidades da assessoria de imprensa. Nesse contexto, responda aos seguintes itens. 1. Indique a restrição imposta pelo Art. 7º; 2. Qual a relevância desse impedimento para a garantia dos procedimentos éticos inerentes à profissão? 3. Apresente a ressalva estabelecida pelo Art. 12; 4. Relacione a ressalva com as especificidades de atividade do jornalista, na função de assessor de imprensa; 5. Como a ressalva pode ser usada sem colocar em risco os demais itens previstos no Código de Ética dos Jornalistas Profissionais?
 
- Resposta: O candidato deve demonstrar conhecer o Art. 7, segundo o qual, o jornalista não pode “VI - realizar cobertura jornalística para o meio de comunicação em que trabalha sobre organizações públicas, privadas ou não-governamentais, da qual seja assessor, empregado, prestador de serviço ou proprietário, nem utilizar o referido veículo para defender os interesses dessas instituições ou de autoridades a elas relacionadas;” (10 pontos) 2. O candidato deve ponderar as questões éticas envolvidas caso essa restrição não existisse, tais como conflito de interesses, acesso à informações privilegiadas e influência na pauta do veículo noticioso. (10 pontos) 3. O candidato deve demonstrar conhecimento sobre o Art. 12, segundo o qual o jornalista deve: I – “ressalvadas as especificidades da assessoria de imprensa, ouvir sempre, antes da divulgação dos fatos, o maior número de pessoas e instituições envolvidas em uma cobertura jornalística, principalmente aquelas que são objeto de acusações não suficientemente demonstradas ou verificadas;” (10 pontos) 4. O candidato deve ponderar que o assessorado é um cliente cuja expectativa é que o trabalho de assessoria esteja ligado à construção da imagem positiva da organização e que, por isso, haverá uma limitação no número de fontes consultadas e de versões apresentadas. (10 pontos) 5. O candidato deve ponderar que o jornalista, na função de assessor de imprensa, não pode deixar de cumprir os demais artigos do Código de Ética, que tratam do direito que o cidadão tem de ter acesso à informação verdadeira. (10 pontos)

Comunicação Social - Concurso: DESENBAHIA - Ano: 2014 - Banca: ESSP - Disciplina: Comunicação Social - Assunto: Comunicação Social - Em um texto de cinco a dez linhas, descreva o que vem a ser um ‘house organ’.
 
 - Resposta: Apesar de ser um veículo prioritariamente voltado para o público interno, com notícias e reportagens sobre o dia a dia de uma empresa, dependendo da forma como for produzido, pode também atingir os públicos externos. Nesse caso, não só com o objetivo comercial, mas principalmente para mostrar que a empresa se preocupa com assuntos de interesse social, como cultura e ecologia, por exemplo.
Veja também